domingo, 25 de janeiro de 2009

Teatro da Barra/ES – Janeiro de 2009

Cena de Auto do Túmulo de Ancheita no auditório da Brisa na Barra Pousada
O Auto do Túmulo de Anchieta é uma peça que tem nos dado muita satisfação desde o ano passado (2008), quando começamos a estudá-lo e também fizemos muitos ensaios e apresentações. Compartilhamos com você agora as imagens da apresentação realizada na Brisa na Barra Pousada, na Barra do Jucu. Mais um momento marcante e feliz para todos os membros do grupo.
Clique abaixo e assista.


video

Auto do Túmulo de AnchietaConstituído por farsas episódicas, o Auto do Túmulo de Anchieta utiliza personagens do passado e da atualidade para divertir e, ao mesmo tempo, criticar certas posturas existentes na sociedade.

Tudo começa quando é lançado um edital para concorrer a vagas no túmulo do Padre José de Anchieta. Os candidatos têm que apresentar variados documentos que comprovem suas virtudes. Maria Ortiz, Frei Pedro Palácios e Mestre Álvaro formam a Comissão de Notáveis responsável por analisar se os candidatos são aptos ou não a ganharem a vaga. A partir daí surgem diferentes e polêmicos personagens.

Escrita por Luiz Guilherme Santos Neves, a peça é inspirada no estilo do dramaturgo medieval Gil Vicente e utiliza temas da cultura do Espírito Santo. O Auto está sendo patrocinado pela Lei Vila Velha Cultura e Arte e tem o apoio cultural da Prysmian Cables & Systems.

Ficha técnica
Autor: Luiz Guilherme Santos Neves
Diretor: Paulo DePaula
Elenco: Dulce Lodi (Cidade de Vitória), Marilena Soneghet (Maria Ortiz), Vitor Zuccolotti (Frei Pedro Palácios), João Wolkart (Mestre Álvaro), Newton Raposo (sem-terra), Aline Goltara (GP), Bruno Néri (político), Cleverson Comarela (Magistrado), Jaime Nilson (delegado), Liliana DePaula (socialite), Pedro Côgo (penetra e mestre de banda de congo), Keyla Santiago (desfiadeira de siri), Anita Bonadiman (paneleira) e Paulo DePaula (Anchieta).
Participação: Banda de Congo Mirim Tambores de Jacaranema
Cenotécnica: Valmir Zatta (Alemão)
Produtora e Figurinista: Zeiza Jorge

Um comentário: